quinta-feira, 15 de junho de 2017

#weddingmode: de faca e garfo!



Um dos pontos em que as pessoas mais reparam num casamento é a comida. Não é nada agradável que depois de tanto esforço na procura de um sítio bonito, de uma cerimónia personalizada e de uma decoração de babar, a comida falhe. Não pode.

Para quem já foi a muitos casamentos, é importante que falem com os noivos vossos amigos e que eles vos digam quem foi o catering deles, o que correu menos bem, etc. Nós sabíamos que não queríamos arriscar num catering que não conhecêssemos e fizemos isso mesmo. As duas últimas (e primeiras na verdade) amigas a casar tinham escolhido o Francisco Vieira e como sabíamos que tinha corrido bem no casamento delas, não arriscamos noutro. O preço é bastante aceitável tendo em conta os praticados actualmente, a comida é de muita qualidade. Se não teve falhas? Teve... e quanto a isso não há nada a fazer. O dia já passou, não há como repetir mas há um conselho que vos posso dar. Nunca paguem tudo antes do casamento se realizar. Isso deixa-vos sem possibilidade nenhuma de reclamar seja o que for e às vezes pode ser preciso.

Se voltava a fazer tudo igual? Voltava. Aconselho o Francisco Vieira, sem dúvida. A comida é de excelente qualidade, a apresentação é muito cuidada. No nosso caso o facto do casamento não ter sido num sítio onde habitualmente costumam servir dificultou a tarefa deles mas no geral o balanço é muito positivo e as falhas que nós noivos notámos, ninguém se apercebeu.

É importante que façam uma prova antes do casamento, com tempo para fazerem os ajustes necessários na ementa e com tempo para mandarem fazer menus para as mesas se assim desejarem.
Lembrem-se sempre de referir se existem intolerâncias alimentares e se têm convidados vegetarianos para que lhes seja servida uma comida alternativa.

Também a apresentação do serviço pode ser trabalhada com quem vocês escolherem. Convém que a forma como a comida é apresentada não fuja ao resto da decoração. No nosso caso teve ainda um detalhe mais especial, ao qual o Francisco sempre se mostrou muito receptivo! Algumas das entradas foram servidas nas nossas tábuas do coração, nas nossas tábuas Maria Tigela. Fazia todo o sentido que num dia tão especial como o nosso dia de casamento ela estivesse presente e assim foi. :)









fotografias: Momento Cativo

m.*

Sem comentários:

Enviar um comentário

© dois igual a três - 2013. all rights reserved. Tecnologia do Blogger.