quinta-feira, 22 de junho de 2017

#weddingmode: dançar descalça?



Para ele como para ela, a escolha, mais do que bonita tem que ser inteligente. O dia é longo e bem agitado por isso o calçado tem - mesmo - que ser o mais confortável. E não, o calçado confortável não tem que ser feio, não tem que ficar mal. Tem simplesmente que ser um calçado que se identifique connosco, sem medo de assumir as nossas escolhas!




Para ele


A escolha para ele foi complicada. Sabíamos exactamente o que queríamos: uns Oxford castanhos. Só que uma coisa que parece tão simples de arranjar, não foi. Podemos dizer que corremos todas as sapatarias do Porto e nenhuma tinha exactamente o que queríamos. Ou porque o tom do castanho era mais claro ou mais escuro, ou porque o pesponto era demasiado casual, ou porque a frente era muito bicuda ou muito redonda. Isto não foi tarefa fácil, não!
Foi na Haiti que encontramos os sapatos certos para ele. Tão certos que este foi provavelmente o pormenor do casamento que ele mais se fartou de elogiar, ainda hoje o faz. Os homens não têm o problema do tacão, é verdade, mas o conforto do sapato não se faz só por ter uma sola mais baixa. A pele, as costuras, a sola e a forma como se adapta ao pé são essenciais para podermos eleger uns sapatos como confortáveis.
E nos homens existe outro problema. E o cinto? Sim, é verdade, engana-se quem pensa que as mulheres é que complicam, escolher o cinto para ele foi um desespero. Em lado nenhum existia o tom do sapato com uma fivela dourada decente. Sinto que esta foi a última compra antes do casamento, quando faltavam apenas duas semanas para o grande dia. Salvou-nos a Massimo Dutti com a sua elegância de sempre, e uma simplicidade que nem sempre é fácil de encontrar.




Para ela


Eu nunca uso tacões. Nunca. É a mais pura (e dura!) das verdades. Não consigo convencer-me a usar um calçado desconfortável só para ficar mais alta ou elegante. Na hora de calçar sou o mais prática possível e uso sempre os mesmos ténis... que quase só variam com a estação... No ano anterior ao nosso casamento tinha comprado umas plataformas da bimba e lola para usar num casamento. Estas que partilhei com vocês aqui. Quando o casamento acabou não queria acreditar que tinha dançado a noite toda e não me tinha queixado um segundo. Ganhei uns centímetros e não fiz má figura!
Quando soube que ia casar, soube também que não me ia esforçar a procurar o "calçado ideal" e que o something old era a desculpa perfeita para usar as plataformas da bimba e lola escondidas por baixo do vestido... a verdade é que as mulheres preocupam-se imenso com o que vão calçar mas esquecem-se que, se o vestido for comprido, raramente se vêm os pés... Uma das minhas madrinhas confirmou. Das fotografias de casamento dela apenas numa se vêm os sapatos! E eu decidi levar com a minha ideia para a frente.

Claro que a minha mãe estava super desgostosa, e eu percebo em parte, na parte que me deixava também desconfortável: a plataforma era castanha... e como o vestido ia ser bem leve, o risco de se ver a plataforma ainda era algum. A minha mãe obrigou-me a prometer que ia encontrar outro calçado e eu cumpri com a promessa... a Bimba e Lola fez-me a vontade e fez um modelo exactamente igual às minhas, todas em dourado! Mais perfeito não podia ser! Tratei logo de as comprar, para mal da minha mãe que nesse dia percebeu que se eu nem no dia do casamento usava uns tacões apresentáveis, já não havia saída para mim! :) O que é certo é que aguentei todo o dia com estas fofinhas nos pés, dancei até o sol nascer, desfilei pelas pedras da calçada daquela quinta como ninguém! E muita inveja fiz, eu sei... a nossa L. que vos diga! Quis ir toda pipi no seu stiletto burgundi e a calçada atraiçoou-a! E mais não digo que ela não me deixa! :p

Última palavra: na hora de escolher o calçado, seja para que ocasião for, sejam sensatos! Quando assumimos as nossas escolhas e as encaramos com um sorriso, só nos podem ficar bem!







m.*

Fotografias: Momento Cativo

Sem comentários:

Enviar um comentário

© dois igual a três - 2013. all rights reserved. Tecnologia do Blogger.