sábado, 23 de agosto de 2014

Cinema: A viagem dos cem passos

Já alguma coisa desvendei por aqui da minha paixão por França e por culinária.
Quando duas paixões assim se juntam num filme, claro que estou na fila da frente para o ver!
Falo-vos de "A viagem dos cem passos", um filme com uma fotografia belíssima, que podia ser somente isso mas que, apesar de calmo, nos cola ao ecrã ao longo dos seus 120 minutos. 


Repleto de lugares comuns, eu rendi-me. E é possível não nos rendermos quando nos dizem que "cozinhar são memórias" e que "só conseguimos cozinhar com o coração"?! Cliché? Sim. Mas tão verdade...
É exactamente isso que me leva para a cozinha... As memórias e o coração! Porque não é possível cozinhar sem uma pitada de paixão...






Apaixonada por fotografia, é completamente impossível ficar indiferente aos pratos que ali nos são apresentados! Combinações fascinantes de cores, que nos fazem imaginar e salivar, até, pelo sabor que sabemos lá estar. Em algum momento senti o cheiro a comida! Um cheiro falso, certamente, e inexistente, fruto completo da minha imaginação, mas eu senti!



Não quero revelar muito do filme, que merece ser visto, sem dúvida. Por aqueles que como eu têm uma paixão por cozinha, e pelos que não têm também. Claro que a esses chegará o filme de uma forma mais superficial, sem entenderem ao certo do que se trata esta paixão, estas memórias... Mas quem não associa imediatamente o cheiro a canela ao natal? Não são essas as memórias que nos definem?






Nesta viagem vão encontrar cheiro a caril, tandoori, frutos do mar... Cheiros da cultura indiana que tanto me deliciam! Cores bem quentes, carregadas, e uma paixão imensa que devíamos deixar entrar nas nossas casas sempre.


m.*



1 comentário:

  1. Também já o fui ver e fiquei totalmente deliciada. É um filme para se ver de estômago bem cheio... Está recheadíssimo de tudo!

    ResponderEliminar

© dois igual a três - 2013. all rights reserved. Tecnologia do Blogger.