segunda-feira, 2 de março de 2015

Detox Liquid



Já lá vai um ano desde aquela que foi a minha primeira experiência detox. Na altura três dias de limpeza e desintoxicação que souberam tão bem e deram um empurrão para a dieta que tanto precisava e que fazia parte das resoluções para esse ano. Como tantas outras dietas foi Sol de pouca dura e não passou desse Verão.



Este ano começar uma dieta não fazia parte das minhas resoluções, não porque eu não continuasse a precisar dela, mas sim porque ela já fazia parte da minha vida há dois meses quando 2015 começou. Não esperei por Janeiro nem sequer por Setembro, não marquei um dia, nem esperei que fosse segunda-feira. Ao contrário de todas as dietas da minha vida não foi planeada... não teve data nem hora marcada e surpreendentemente é a dieta onde alguma vez estive mais envolvida, empenhada e com melhores resultados. No final de Janeiro tinham passado 3 meses e já lá iam 8 kg... o entusiasmo foi tanto que decidi comemorar e presentear-me com uma semana sem regras quando fui a Paris. Isso não teria tido mal algum, não fosse eu ter alargado essa falta de regras ao meu regresso e quando dei por mim, tinha passado um mês de pura loucura gastronómica e 1,5 kg já estavam de volta. Era hora de por um travão nisso e esta é sempre a hora mais difícil, saber parar e acima de tudo saber recuperar para continuar. Esta não podia nem pode ser uma dieta falhada. Não esta. Não mais uma.









Era então hora de fazer um reset ao organismo, de o limpar e acima de tudo de o desintoxicar. Para isso nada melhor que recuperar a experiência detox do ano anterior, desta vez num registo mais soft de um dia só. Não que eu tivesse tido algum tipo de problema com os três dias mas aqui tinha mesmo a unica função de me formatar e me devolver rapidamente ao meu plano alimentar hiperproteico que tão bons resultados me tem trazido.

Não havia tempo a perder, não podia, não ia começar com os rodeios de sempre de marcar uma data, de esperar o inicio de um mês e muito menos que chegasse uma segunda-feira! Não interessava o dia. A decisão estava tomada e era para já!
Ajuda sempre quando se faz o detox à semana, não há inconvenientes de falta de energia para trabalhar e sempre ajuda estar com a cabeça ocupada e não dar pela falta do alimentos sólidos... não que se sinta fome, que isso foi coisa que nunca senti, mas é inevitável pensar em comida. Por isso quanto mais ocupada estiver a cabeça, mais fácil se torna principalmente quando se trata do de três dias.

Correu lindamente como sempre, sentia-me outra no dia seguinte e assim não custou absolutamente nada voltar à dieta. Nessa semana recuperei o 1,5 kg desperdiçado naquele fatídico mês e cá estou eu de volta à vida saudável, e a esta missão que já só está à distância de mais 5kg para a dar como terminada.
Terminada não direi, mas par a dar como bem sucedida, certamente!



L<3

Sem comentários:

Enviar um comentário

© dois igual a três - 2013. all rights reserved. Tecnologia do Blogger.