domingo, 21 de setembro de 2014

Workshop de Entradas e Aperitivos.

Hoje recordamos o fim de semana passado e o meu regresso a um espaço do qual já vos falei mais do que uma vez: o Work It .

Desta vez o Workshop conquistou-me não só pelo tema, mas também pela pessoa que o iria leccionar. O facto de ser sobre "entradas e aperitivos" é um aspecto que conquista qualquer um... mais ou menos salgados, mais ou menos "spicy" acho que não há quem não delire com uma boa sessão de entradas ou aperitivos. 

Mais do que isso, era a oportunidade de conhecer pessoalmente os truques e segredos de uma das "food bloggers" que sigo há mais tempo e de forma mais fiel: a Isabel Zibaia do Blog Cinco Quartos de Laranja .

A manhã estava solarenga, aliás como sempre, em todas as minhas quatro idas ao Work It, e a sala estava cheia de gente simpática como também vem sendo hábito. A Isabel introduziu-nos cada uma das suas receitas, com um cuidado e detalhe nas palavras que já só de ouvir falar quase nos fazia babar. Ensinou uma série de truques muitíssimo úteis e transversais a qualquer receita, como por exemplo o segredo para fazer com que o pimento não se torne indigesto: que passa apenas por retirar-lhe a pele antes de o cozinhar.

A lista de receitas incluía: Tostas de sardinha com maionese e pimentos assados, vol-au-vent com queijo creme e compota de figo, croquetes de alheira com maionese de marmelada, almôndegas com especiarias e molho de iogurte, folhadinhos de queijo feta e requeijão, salada de beterraba com cuscus e queijo, cogumelos recheados, pataniscas de bacalhau, cascas de batata com maionese picante, ninhos de batata com ovos e chouriço, pão aos retalhos com queijo, e fofos de ovo com pimento.



As 12 receitas foram então distribuídas pelos diferentes grupos e a mim calhou-me uma que já há muito andava para experimentar: o pão retalhado com queijo. A receita não podia ser mais simples, tendo o seu único segredo na forma meticulosa como o pão tem de ser cortado para não se desmanchar. O recheio é feito de uma pasta de azeite, alho e ervas, que se completa com a mistura de queijos que é posteriormente polvilhada. 







Este deve servir-se mal sai do forno, pois só ainda enquanto quente é possível destacar os cubinhos de pão, de forma isolada. Depois de arrefecer, o queijo volta a agregar o pão num só, mas nem aí se perde nada, come-se um bocadinho mais escangalhado mas o sabor está todo lá!

Vale mesmo a pena experimentar a receita, vale mesmo a pena ter uma experiência de workshop com a Isabel, assim como vale sempre a pena voltar ao Work It.

L. <3

1 comentário:

  1. Fiz esse pão há uns Natais atrás e foi mega sucesso! ADORO!

    ResponderEliminar

© dois igual a três - 2013. all rights reserved. Tecnologia do Blogger.